domingo, 22 de janeiro de 2017

Passada de tomates

Olá, pessoal, estou de volta!!!

Depois de um longo e tenebroso inverno... sim, longo e tenebroso inverno, já que este blog ficou congelado por tanto tempo. Mas estou de volta, agora uma vovó de um netinho lindo de quase 2 anos. Assumi meus cabelos brancos, fiz mutias viagens legais, ri, chorei, vivi.

Em setembro do ano passado, realizei um sonho antigo: conhecer a Itália. Eu e meu marido viajamos muito por lá, amparados por uma grande amiga, uma verdadeira irmã, a Vaninha. Ela e o marido, Settimeo, vivem numa pequena cidade próxima de  Roma, onde plantam uva e oliva, além de legumes, verduras e frutas. Como ela diz, eles vivem no meio da comida. Hahahaha.

Foi a Vaninha quem me possibilitou participar de uma colheita da uva na Itália. Gente, é muito chique, não é? Fizemos a vindima, ou colheita das uvas, e depois ajudamos a fazer o vinho, que ficará pronto em junho deste ano. Quem sabe voltaremos lá e então teremos novas histórias pra contar. 

Também foi a Vaninha quem me ensinou a fazer macarrão, massa de pizza e a maravilhosa passada de tomates, que vamos fazer hoje. Passada de tomates nada mais é do que o molho de tomates sem tempero. E por que fazer, se posso comprar pronto? Porque é fácil, é natural, é mais saudável. Diga adeus aos molhos prontos, você nunca mais vai querer comprá-los. E, de quebra, ainda vai receber muuuitos elogios quando oferecer sua macarronada com esse molho super especial.

Então, esse post eu dedico à Vaninha.

Vamos começar?

Você vai precisar de:

- tomates
- duas panelas grandes
- uma peneira grande
- um garfo ou uma colher grande ou um soquete de madeira
- vidros para armazenar a passada

1 - Lave os tomates. Depois, coloque-os em uma panela com água e leve ao fogo.




2 - Deixe-os ferver por alguns minutos, até que comecem a rachar. O objetivo é que fique fácil de retirar a pele dos tomates. Escorra a água.




3 - Retire a pele dos tomates com a ajuda de um garfo. Coloque a peneira sobre a outra panela grande. Ponha uma parte dos tomates na peneira, já sem a pele, e comece a amassá-los. Dá um pouquinho de trabalho, mas vai valer a pena.




4 - Depois que passar todos os tomates pela peneira, coloque tudo em vidros. Deixe um espacinho no vidro, não encha até a boca. 



Tampe os vidros, coloque-os em uma panela grande com água e volte para o fogão. 



Deixe os vidros ferverem por duas horas. Não destampe os vidros. Ao final das duas horas, desligue o fogo, mas não retire os vidros da panela e mantenha-os tampados. Deixe que esfriem naturalmente. Quando estiverem totalmente frios, basta guardar os vidros no armário ou na geladeira, sem abri-los. 

5 - Você só vai abrir os vidros quando for usar os molhos. Basta refogar o molho em um pouco de óleo ou azeite, cebola e alho. Pode colocar um pouco de manjericão, isso dará um gostinho bem bom no molho. Mas isso é uma outra história que vou contar pra vocês em próximo post.

Espero que tenham gostado desse post de reinauguração do Cozinha da Rose.

Grande beijo.  

Dicas

Eu usei 10 kg de tomates para fazer nove vidros grandes de passada de tomates. 

Deixe os tomates esfriarem para tirar a pele. Fica bem mais fácil.

Ao invés de usar a peneira, você pode bater o tomate no liquidificador. Mas não bata muito. Se você quiser que fiquem alguns pedacinhos, use o pulsar, mas por poucas vezes. Se não quiser pedaços, então bata um pouco mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário